Economia

16-12-2022 10:24 - ECONOMIA

"Neste ano vamos ter um crescimento superior a 5 pontos do PIB", afirma ministro da Economia argentino

O ministro da Economia da Argentina, Sergio Massa, afirmou que "este ano vamos ter um crescimento superior a 5 pontos do PIB (Produto Interno Bruto)", na apresentação do 21º seminário Propymes, organizado pelo Grupo Techint.

Telam SE
16-12-2022 | 10:24
O ministro de Economia Sergio Massa esq com Paolo Rocca o titular do Grupo Techint
O ministro de Economia, Sergio Massa (esq), com Paolo Rocca, o titular do Grupo Techint

"Caímos na pandemia, nos recuperamos e crescemos 10 pontos; este ano vamos ter um crescimento de mais de 5 pontos no PIB, temos que continuar crescendo para construir três anos consecutivos de crescimento, o que não acontecia na Argentina há muito tempo", disse Massa.

O funcionário destacou que a Argentina enfrenta uma “situação complexa em nível global, que são as disputas que ocorrerão nos próximos 20 anos em torno da economia do conhecimento, segurança alimentar e atritos em torno de proteínas, minerais e energia”.

Neste sentido, sublinhou que "a Lei de Bio e Nanotecnologia e a Lei da Economia do Conhecimento e todos os incentivos visam consolidar que temos capacidade nos próximos 10 ou 20 anos para sermos exportadores de produtos de base proteica e com base de primeiro, segundo e terceiro piso de valor agregado, e quanto maior o valor agregado, maior a riqueza de nosso país".

"Em energia, temos o segundo reservatório global de gás de xisto, o quarto maior de óleo de xisto, e isso nos torna um grande jogador, mas com o gasoduto Presidente Néstor Kirchner, esse grande jogador precisa de todo esse recurso que está no subsolo da Argentina, nós podemos disponibilizá-lo para cidadãos argentinos e podemos disponibilizá-lo para exportações, colocando também em jogo uma questão de valor agregado", disse Massa.

Você pode gostar