Política

24-11-2022 22:41 - POLÍTICA

A Câmara dos Deputados homenageou a falecida referente das Mães da Praça de Maio, Hebe de Bonafini

A Câmara dos Deputados prestou homenagem a Hebe de Bonafini, falecida aos 93 anos no último domingo, e fez um minuto de silêncio para lembrar a referente da Associação Mães da Praça de Maio – as quais reclamam que seus filhos detidos durante a ditadura militar (1976-83) apareçam com vida.

Telam SE
24-11-2022 | 22:41
A falecida referente das Mes da Praa de Maio Hebe de Bonafini
A falecida referente das Mães da Praça de Maio, Hebe de Bonafini

Com fotos da dirigente da Associação das Mães da Praça de Maio nas bancadas, a homenagem foi proposta pela deputada do partido Frente de Todos (FdT), Mónica Macha.

Depois de lembrar que em 2004 propôs o fim das tradicionais marchas de resistência, Mónica Macha disse que Hebe tomou essa decisão "porque entendia que a partir da chegada do (Presidente) Néstor (Kirchner), a política de direitos humanos era uma política de Estado" e considerou que "o legado de Hebe é insondável, ensinou-nos a não baixar os braços, a militar com alegria. Dizemos-te adeus, mas o teu legado é imortal".

Da Frente de Esquerda dos Trabalhadores (FIT), Miryam Bregman recordou Hebe como “uma mulher corajosa como poucas, que resistiu à maquinaria genocida, enquanto as burocracias sindicais se tornavam colaboracionistas e grandes empresas montavam centros clandestinos nas suas próprias propriedades”, embora reconhecesse ter divergências com a chefe das Mães da Praça de Maio, destacou sua trajetória e sua luta.

Você pode gostar