Política

24-11-2022 22:37 - POLÍTICA

As metas com o FMI são cumpridas e as avaliações foram aprovadas "sem grandes inconvenientes", afirma porta-voz presidencial

O governo argentino "está cumprindo as metas" do acordo com o Fundo Monetário Internacional (FMI) e todas as vezes que houve avaliação do órgão multilateral de crédito "passou sem maiores inconvenientes", disse a porta-voz da Presidência, Gabriela Cerrruti.

Telam SE
24-11-2022 | 22:37
A portavoz da Presidncia Gabriela Cerruti
A porta-voz da Presidência, Gabriela Cerruti

Cerruti referiu-se à situação salarial da população e salientou que "não existe um montante fixo para nenhum setor", embora tenha apontado que "no final do ano há sempre vários temas em estudo sobre as possibilidades de acompanhamento do salário de modo a que não fiquem para trás em relação à inflação", disse em sua habitual entrevista coletiva semanal na Casa Rosada.

Apontou ainda que o Governo “trabalha todos os dias” para promover “a desaceleração da inflação”, e que neste sentido implementar o programa Preços Justos “é um dos pontos da estratégia, mas não o único”, desde que isso se enquadre no "ordenamento da macroeconomia e aumento das reservas" do Banco Central.

Em outro sentido, a porta-voz destacou a "importantíssima negociação" da Argentina no Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) sobre a apresentação da candidatura à Presidência da entidade, da secretária de Relações Econômicas Internacionais do Ministério das Relações Exteriores, Cecília Todesca Bocco.

Por outro lado, Cerruti considerou o programa Preços Justos, apresentado a 11 de novembro, como “um aprofundamento e melhoria do programa Preços Cuidadosos”, por ser mais amplo na sua abrangência em produtos e pontos de venda, bem como na incorporação de “diferentes possibilidades de controle", além de deixar aberta a opção de incorporar mais produtos.

Você pode gostar