12/10/2021 POLTICA

Ministro-chefe da Casa Civil viaja aos Estados Unidos para "acompanhar" o Ministro da Economia com uma "ampla agenda de trabalho"

O Ministro-chefe da Casa Civil, Juan Manzur, viajar aos Estados Unidos na prxima quinta-feira por "indicao do presidente" Alberto Fernndez para "acompanhar o ministro da Economia", Martn Guzmn, em uma agenda que inclui vrias reunies "para fortalecer as relaes bilaterais".

Manzur explicou que, junto com o chefe do Palácio da Fazenda, eles buscarão levar "a visão do governo nacional" aos investidores globais sediados em Nova York. “É uma indicação do Presidente da República. Acompanhar o Ministro da Economia no marco de uma reunião que ocorrerá na sexta-feira com vários empresários e investidores no nível global. Vamos trazer a visão do Governo nacional", afirmou.

O Ministro-chefe da Casa Civil, Juan Manzur
O Ministro-chefe da Casa Civil, Juan Manzur

Consultado sobre o acordo com o Fundo Monetário Internacional (FMI), o ministro coordenador disse que vai procurar “aproximar posições, desde que não comprometa tudo o que tem a ver com o desenvolvimento do país, da Nação".

Nesse contexto, Manzur se juntará com a delegação argentina chefiada por Guzmán desde ontem, o qual já manteve uma reunião de trabalho com o corpo técnico do FMI em Washington, na qual foram abordados os aspectos técnicos da negociação para a reestruturação da dívida de US $ 44 bilhões que a Argentina tem com o referido organismo dos Estados Unidos. Guzmán deve se reunir hoje com a diretora-gerente do Fundo, Kristalina Georgieva.