21/09/2021 POLTICA

Governo nacional anuncia fim de vrias de restries devido pandemia

O governo nacional anunciou hoje o fim de uma srie de restries devido pandemia de Covid-19, como levantar a obrigatoriedade do uso de mscaras ao ar livre, a habilitao de reunies sem nmero mximo de pessoas, o retorno do pblico aos estdios de futebol com capacidade de 50 por cento, e a abertura gradual e cuidada das fronteiras.

As medidas foram anunciadas em entrevista coletiva na Casa de Governo pelo novo Chefe da Casa Civil, Juan Manzur, e pela Ministra da Saúde, Carla Vizzotti, os quais destacaram que a decisão foi tomada devido à diminuição contínua dos casos de Covid-19 nas últimas semanas, o atraso na entrada da variante Delta e o avanço do plano de vacinação, entre os motivos mais importantes.

O Ministro-chefe da Casa Civil, Jorge Manzur e a Ministra da Saúde, Carla Vizzotti
O Ministro-chefe da Casa Civil, Jorge Manzur e a Ministra da Sade, Carla Vizzotti

Em sua primeira coletiva de imprensa na Casa Rosada, o Ministro-chefe da Casa Civil disse que, de acordo com o "comportamento dos indicadores" de saúde, há "dados objetivos que mostram que de mais de 26 mil casos em maio, hoje em setembro estamos abaixo de 1.600, com uma cobertura de vacinação na qual estamos muito próximos de poder chegar a 50%, que é o nível ótimo sugerido pelas autoridades sanitárias”.

Ao listar as medidas mais importantes, disse que é levantada a obrigatoriedade do uso de máscaras ao ar livre, circulando e sem pessoas por perto, embora continue a exigência “em espaços fechados e atividades onde houver muita gente por perto, também ao ar livre quando estivermos reunidos com outras pessoas”.

Também está autorizada a abertura de discotecas, com capacidade de 50%, para pessoas que tenham completado o esquema de vacinação há pelo menos 14 dias, e a partir de 1º de outubro, estrangeiros de países limítrofes poderão entrar sem necessidade de isolamento, enquanto que para o próximo dia 1º de novembro está prevista a autorização de entrada de estrangeiros de países não fronteiriços, entre outras flexibilidades.