31/03/2021 POLTICA

Alberto Fernndez afirma que ex-presidente Macri "tem muito pouca capacidade para entender o dano que causou"

O presidente Alberto Fernndez afirmou que o ex-presidente Mauricio Macri "tem muito pouca capacidade para entender o dano que causou", e considerou tambm que "no faz sentido" que o Fundo Monetrio Internacional (FMI) "tenha emprestado essa quantidade de dinheiro" ao pas durante o governo de Cambiemos.

"Eu não gosto muito de falar sobre ele; são tantas as coisas absurdas que ele diz que não faz sentido", disse Fernández, em referência às manifestações do Macri sobre se (o ex-presidente) Juan Domingo Perón (1946-55 e 1973-74) estivesse vivo se "anotaria" em Juntos por el Cambio (Partido do ex-presidente Macri). "Além disso, ele tem muito pouca capacidade para entender o dano que causou", afirmou Fernández sobre seu antecessor na presidência.

O Presidente Alberto Fernández
O Presidente Alberto Fernndez


O Presidente também fez referência à decisão do Macri de ter solicitado um empréstimo milionário ao FMI, considerando que "não faz sentido" que o referido organismo "tenha emprestado essa quantidade de dinheiro para um país que estava em moratória nesse momento, para que o devolva em tão pouco tempo".

Alberto Fernández manifestou que o Governo está "trabalhando para que o Fundo entenda, não pela Argentina e sim pela pandemia" de Covid-19, que é "necessário ampliar os prazos" para cumprir os pagamentos, e pediu que fosse uma medida "global" e que "beneficie os países com renda média como a Argentina", que está "em um limbo", acrescentando que "os países pobres recebem ajuda e os ricos se viram sozinhos".