20/02/2021 POLITICA

Presidente Fernndez apresenta Conselho Econmico e Social para criao de polticas de Estado

O presidente Alberto Fernndez afirmou hoje que "o capitalismo deve ser repensado levando em conta a experincia que a prpria pandemia nos est marcando" e afirmou que "no possvel pensar a economia sem tica", quando anunciou hoje a criao do Conselho Econmico e Social no Centro Cultural CCK, junto com o secretrio de Assuntos Estratgicos, Gustavo Beliz, o qual comandar o rgo multissetorial voltado abordagem de polticas de Estado no longo prazo.

"Como diz o papa Francisco, esta cultura do descarte nos levou ao pior dos mundos; se bem é real que o capitalismo existe, também é real que deve ser repensado, levando em conta a experiência que a pandemia nos está marcando", afirmou o mandatário.

Presidente Alberto Fernández no Conselho Econômico e Social
Presidente Alberto Fernndez no Conselho Econmico e Social


Sobre os integrantes do Conselho Econômico e Social nomeados, o presidente disse que foram "convocados para que, de uma vez por todas, possamos construir um país com outra lógica, a do diálogo e do encontro", e realçou que "não é uma mesa para ver qual é o interesse que predomina".

O organismo será criado mediante um decreto presidencial e estará conformado por 30 membros surgidos do diálogo com os setores empresariais, gremiais, acadêmicos e da sociedade civil; e sua função será elaborar a pauta institucional que supere a conjuntura e marque políticas de Estado para os próximos 30 anos.

Por sua vez, Beliz explicou que o Conselho terá cinco missões com cinco projetos transformadores nas áreas de comunidade do cuidado e segurança nutricional; produtividade com coesão social; mudança climática, ecológica e desenvolvimento verde; trabalhos e educação do futuro; e qualidade institucional.