13/01/2021 SOCIEDADE

Museu Memria da ESMA abre suas portas com protocolos e reservas

O Museu Memria da ESMA reabrir suas portas a partir do dia 16 de janeiro com um percorrido guiado de duas horas e meia, uma atividade que ser realizada todos os sbados "com reserva prvia e aplicando todas as medidas de segurana e protocolos correspondentes", informou a entidade, que depende da Secretaria de Direitos Humanos Nacional.

Após a interrupção das atividades, determinada pelas restrições sanitárias impostas pela pandemia de coronavírus, o Museu Memória consignou que "a reserva de horários é pessoal e intransferível", e "está habilitada para a semana atual e só podem ser reservadas entradas individuais ou para o grupo familiar convivente", que inclui até quatro pessoas. Além disso, não será permitida a entrada de menores de 12 anos, foi informado.

Museu Memória da ESMA
Museu Memria da ESMA


A reserva deve ser realizada através do site www.museositioesma.gob.ar  e uma vez completados os lugares (15 por visita), haverá outra abertura de horários para visitas, nos domingos. Na entrada, todas as pessoas devem apresentar documento de identidade, a declaração do aplicativo CUIDAR, e a reserva, em forma impressa ou digital através do celular, e usar máscara durante toda a visita.

O Museu Memória está localizado onde funcionou a ex- Escola de Mecânica da Marinha (ESMA), na zona norte da Cidade de Buenos Aires, onde existiu um dos principais centros clandestinos de detenção, torturas e extermínio de pessoas durante a ditadura militar (1976-83).